Análise do processo ensino-aprendizagem pela ótica de preceptores de graduação no âmbito da Atenção Primária à Saúde

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18310/2446-4813.2021v7n3p11-26

Palavras-chave:

Preceptoria, Atenção Primária à Saúde, Sistema Único de Saúde, Educação em Saúde, Aprendizagem Baseada em Problemas

Resumo

Introdução: A preceptoria é um importante elo pedagógico na integração ensino-serviço-gestão-comunidade. Dentre muitas tensões que esses profissionais sofrem na Atenção Primária à Saúde eles são instigados diariamente sobre quais métodos de ensino e avaliação podem e/ou devem ser utilizados para um adequado aprendizado dos estudantes. Assim, o objetivo deste estudo é conhecer o processo ensino-aprendizagem vivenciado pelos profissionais que atuam como preceptores de alunos de graduação no âmbito da Atenção Primária à Saúde, no município de São Paulo.Metodologia: Trata-se de um estudo analítico-interpretativo de abordagem qualitativa. Após aplicação de questionário sócio demográfico realizou-se entrevistas semiestruturadas com 14 preceptores interpretados pela análise de conteúdo temática.Resultados: Da análise, emergiram as categorias “estratégias e métodos de ensino” e “avaliação do processo ensino-aprendizagem”. O processo ensino-aprendizagem é guiado especialmente pela rotina da Atenção Primária à Saúde e pela prática, sendo a metodologia de ensino mais frequente porém não problematizada. Os métodos ativos de ensino são aplicados por aqueles que possuem algum tipo de formação pedagógica. Os processos avaliativos apresentaram-se incipientes e causam insegurança nos preceptores. Conclusão: Formar profissionais que exercem a preceptoria é essencial para compor um perfil pedagógico adequado, fomentando no profissional seu papel de educador e instrumentalizando-os de ferramentas metodológicas e avaliativas. 

Biografia do Autor

Afonso Luís Puig Pereira, Hospital Israelita Albert Einstein

Cirurgião-dentista e coordenador dos cursos de atualização e pós-graduação em Odontologia na Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein (SBIBAE), Especialista em Saúde Coletiva e Mestre em Ciências pela Universidade de São Paulo (USP)Dental surgeon and coordinator of update and postgraduate courses in Dentistry at Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein (SBIBAE), Specialist in Public Health and Master of Science from the University of São Paulo (USP)

Celso Zilbovicius, Universidade de São Paulo

Cirurgião dentista com especialização em Odontologia em Saúde Coletiva pela Faculdade de Saúde Pública da USP, mestrado e doutorado em Ciências Odontológicas com concentração em odontologia social pela Faculdade de Odontologia da USP . Professor do Departamento de Odontologia Social da Faculdade de Odontologia da USP, onde ministra as disciplinas de Ciências Sociais em Saúde, Saúde Coletiva em Odontologia e Metodologia de Ensino para o Programa de mestrado profissional interunidades em formação interdisciplinar em saúde, do qual é atual vice coordenador.Dental surgeon with specialization in Dentistry in Public Health from the School of Public Health at Sao Paulo State University (USP), master and doctorate in Dental Sciences with a concentration in social dentistry from the Faculty of Dentistry of USP. Professor at the Department of Social Dentistry at USP's School of Dentistry, where he teaches the disciplines of Social Sciences in Health, Community Dentistry and Public Health and Teaching Methodology for the inter-professional professional master's program in interdisciplinary training in health, of which he is currently deputy coordinator.

Leonardo Carnut, UNIFESP

Professor Adjunto da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) e é vice-coordenador do Programa de Pós-graduação em Ensino em Ciências da Saúde (PPGECS). Tem pós-doutorado em Saúde Pública (Ciências Sociais e Humanas em Saúde) pela Universidade de São Paulo (USP); Adjunct Professor at the Federal University of São Paulo (UNIFESP) and is deputy coordinator of the Postgraduate Program in Health Sciences Teaching (PPGECS). He has a post-doctorate in Public Health (Social and Human Sciences in Health) from the University of São Paulo (USP).

Antonio Carlos Souza Neto, USP

Cirurgião-Dentista pela Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Alagoas (FOUFAL), Especialista em Saúde Pública pela Faculdade de Medicina da UFAL (FAMED/UFAL), Mestre em Saúde Pública pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (FSP/USP), Doutorando em Saúde Coletiva pelo Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (PPGSC/EPM/UNIFESP) e atua como Cirurgião-Dentista de Atenção Básica de Francisco Morato/SP.Dentist from the School of Dentistry, Federal University of Alagoas (FOUFAL), Specialist in Public Health from the School of Medicine, UFAL (FAMED/UFAL), Master in Public Health from the School of Public Health, University of São Paulo (FSP/USP), Doctoral student in Collective Health in the Post-Graduation Program in Collective Health of the Escola Paulista de Medicina of the Universidade Federal de São Paulo (PPGSC/EPM/UNIFESP) and works as a Primary Care Dentist in Francisco Morato/SP.

Tarsila Teixeira Vilhena Lopes, USP

Cirurgiã-dentista pela Faculdade de Odontologia de Araraquara (UNESP), especialista em Saúde da Família e Comunidade pela UFSCar, Mestre em Gestão da Clínica pela UFSCar, Doutoranda pela Faculdade de Saúde Pública - USP.Dental surgeon at the Faculty of Dentistry of Araraquara (UNESP), Specialist in Family and Community Health from UFSCar, Master in Clinical Management from UFSCar, PhD student at the Faculty of Public Health - USP

Ramon Navarrete

Técnico em enfermagem - colégio técnico de Campinas (COTUCA - UNICAMP), Técnico em Necropsia - Polícia Civil do Estado de São Paulo, Graduando em odontologia - FOUSP.Nursing Technician - Campinas Technical School (COTUCA - UNICAMP), Necropsy Technician - São Paulo State Police, Dentistry undergraduate student - São Paulo University School of Dentistry 

Referências

Oliveira MS, Lima VV, Petta HL, Pereira SMSF, Ribeiro ECO, Soeiro E, et al. Preceptoria no SUS: caderno do curso 2017. Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa. São Paulo: Hospital Sírio-Libanês; Ministério da Saúde; 2017.

Albiero JFG, Freitas SFT. Cenários de prática na atenção básica: tipologia para unidades docente-assistenciais. Rev Bras Promoç Saúde. 2017 jul/set;30(3):1-8. doi: http://dx.doi.org/10.5020/18061230.2017.5836.

Autonomo FROM, Hortale VA, Santos GB, Botti SHO. A preceptoria na formação médica e multiprofissional com ênfase na Atenção Primária: análise das publicações brasileiras. Rev Bras Educ Med. 2015 jun;39(2):316-27. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1981-52712015v39n2e02602014.

Lima PAB, Rozendo CA. Desafios e possibilidades no exercício da preceptoria do Pró-PET-Saúde. Interface (Botucatu). 2015;19(Suppl 1):779-91. doi: 10.1590/1807- 57622014.0542.

Ferreira FDC, Dantas FdC, Valente GSC. Nurses' knowledge and competencies for preceptorship in the basic health unit. Rev Bras Enferm. 2018;71(Supl 4):1564-71. doi: http://doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0522.

Cosme FSMN, Valente GSC. Permanent education in the practice of preceptorship in primary health care. RSD [Internet]. 2020 Jul. 24 [cited 2020 Nov 25];9(8):e653984490. Available from: https://www.rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/4490.

Rocha HC, Ribeiro VB. Curso de formação pedagógica para preceptores do internato médico. Rev Bras Educ Med. 2012 set;36(3):343-50. doi: 10.1590/S0100- 55022012000500008.

Prado ML, Velho MB, Espíndola DS, Sobrinho SH, Backes VMS. Arco de Charles Maguerez: refletindo estratégias de metodologia ativa na formação de profissionais de saúde. Esc Anna Nery. 2012 jan-mar;16(1):172-7. doi: 10.1590/S1414- 81452012000100023.

Lima VV. Espiral construtivista: uma metodologia ativa de ensino-aprendizagem. Interface (Botucatu). 2017 Jun;21(61):421-34. doi: 10.1590/1807-57622016.0316.

Anastasiou LGC, Alves LP, organizadores. Processos de ensinagem na universidade: pressupostos para as estratégias de trabalho em aula. 10a ed. Joinville: Ed. Univille; 2015.

Girotto LC. Preceptores do Sistema Único de Saúde: como percebem seu papel em processos educacionais na saúde [dissertação]. São Paulo: Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina; 2016.

Minayo MCS, Deslandes SF, Gomes R. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Petrópolis, RJ: Vozes; 2016.

Freire P. Pedagogia do oprimido. 63a ed. São Paulo: Paz e Terra; 2017.

Freire P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 54a ed. São Paulo: Paz e Terra; 2016.

Botti SHO, Rego S. Preceptor, supervisor, tutor e mentor: quais são seus papéis?. Rev Bras Educ Med. 2008 set;32(3):363-73. doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-55022008000300011.

Junqueira SR, Oliver FC. A preceptoria em saúde em diferentes cenários de prática. Rev Docência Ens Sup. 2020;10:1-20. doi: 10.35699/2237-5864.2020.13483.

Botti SHO, Rego STA. Docente-clínico: o complexo papel do preceptor na residência médica. Physis. 2011;21(1):65-85. doi: https://doi.org/10.1590/S0103-73312011000100005.

Cerqueira P. A formação pedagógica de preceptores dos estudantes da área da saúde: uma conversa em três tempos. In: Ribeiro VMB, organizador. Formação pedagógica de preceptores no ensino da saúde. Juiz de Fora: Ed. UFJF; 2011.

Albuquerque CP. Ensino e aprendizagem em serviços de atenção básica do SUS: desafios da formação médica com a perspectiva de integralidade: narrativas e tessituras [tese]. Rio de Janeiro: Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Medicina Social; 2007.

Carrard GG. Preceptoria no SUS: análise da integração ensino-serviço e das práticas pedagógicas no contexto da atenção Primária à Saúde [dissertação]. Porto Alegre: Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre; 2016.

Chianca-Neves MGB, Lauer-Leite ID, Priante PT. As concepções de preceptores do SUS sobre metodologias ativas na formação do profissional. Educ Rev. 2020;36:e207303. doi: https://dx.doi.org/10.1590/0102-4698207303.

Ribeiro PKC, Firmo WCA, Sousa MHSL, Figueiredo IA, Pacheco MAB. Os profissionais de saúde e a prática de preceptoria na atenção básica: assistência, formação e transformações possíveis. J Manag Prim Health Care. 2020;12:e21. doi: https://doi.org/10.14295/jmphc.v12.977.

Perrenoud P. Avaliação: da excelência à regularização das aprendizagens: entre duas lógicas. Porto Alegre: Artmed; 1998.

Lira MES. Portfólio no processo ensino aprendizagem na graduação em enfermagem: olhar do aluno [dissertação]. Maceió: Universidade Federal de Alagoas; 2018.

Jesus JCM, Ribeiro VMB. Uma avaliação do processo de formação pedagógica de preceptores do internato médico. Rev Bras Educ Med. 2012 jun;36(2):153-61. doi: https://doi.org/10.1590/S0100-55022012000400002.

Downloads

Publicado

2021-12-21

Edição

Seção

Artigos Originais