UMA EXPERIÊNCIA DE PROMOÇÃO EM SAÚDE MENTAL DENTRO DOS MUROS DA ESCOLA – RELATO DE EXPERIÊNCIA

Autores

  • Priscilla Cabral Correia Universidade do Estado do Amazonas
  • Eduardo Jorge SantAna Honorato Universidade do Estado do Amazonas

DOI:

https://doi.org/10.18310/2446-4813.2017v3n1p92-101

Palavras-chave:

Relato de Experiência, Psicologia, Educação em Saúde

Resumo

O presente artigo aborda uma experiência em educação em saúde realizada por duas psicólogas em uma escola municipal da cidade de Manaus, como estágio para conclusão do curso de especialização em Psicologia da Saúde. Foram realizados sete encontros com crianças de onze à quatorze anos participantes do programa Acelera Brasil, que tiveram como objetivo inicial discutir a morte e o morrer, e que ao longo dos encontros passou a abordar temas como relacionamentos interpessoais, autocuidado e respeito. Os encontros aconteceram dentro de sala de aula e contemplaram temas relacionados às problemáticas e desejos dos participantes, utilizando rodas de conversa, dinâmicas e jogos lúdicos como potencializadores da discussão. Ao final, foi possível notar que as crianças puderam experimentar diversos papéis durante o projeto, denotando a possibilidade de cuidado e respeito para consigo e para com o outro.

Biografia do Autor

Priscilla Cabral Correia, Universidade do Estado do Amazonas

Graduada em Psicologia (2014) pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Atualmente cursa especialização em Psicoterapia Fenomenológico-Existencial.

Eduardo Jorge SantAna Honorato, Universidade do Estado do Amazonas

Psicólogo, Doutor em Saúde da Mulher e da Criança, com ênfase em Sexualidade e Gênero, pela Fiocruz (IFF-RJ). Pós-graduado em Saúde da Família (UFSC) e Docência Superior (UGF). É concursado como especialista em saúde na Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (SEMSA), onde faz atendimentos clínicos em Unidade Básica de Saúde. Concursado como Professor Adjunto na Escola Superior de Ciências da Saúde - ESA - na Universidade do Estado do Amazonas - UEA. Professor e Orientador no Programa de Mestrado Profissionalizante em Saúde da Família (Abrasco-Fiocruz). É Lider do Grupo de Estudos e Pesquisas em Promoção e Educação em Saúde - GEPPES (UEA). Exerce as funções de Coordenador do Curso de especialização em Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas; Coordenador do Curso de Especialização em Sexualidade, Gênero e Direitos Humanos e Coordenador do Curso de Especialização em Psicologia da Saúde. Membro do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP), Membro da Comissão do Programa de Iniciação Científica e  Membro parecerista da Comissão de Produtividade.  É colunista da Revista Psiquê Ciência e Vida (cinema) e autor do livro "Cinematerapia: Entendendo Conflitos".  Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical da FMT. Suas produções e interesses em Pesquisa estão voltados principalmente para os seguintes temas: Cibercultura e Saúde Pública e HIV/AIDS; Tecnologia e Inovação em Educação em Saúde; Vulnerabilidade, Saúde Mental e Atenção Psicossocial; Sexualidade e Gênero.

Referências

¹ BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa. Departamento de Apoio à Gestão Participativa. Caderno de educação popular e saúde / Ministério da Saúde, Secretariade Gestão Estratégica e Participativa, Departamento de Apoio à Gestão Participativa. - Brasília: Ministério da Saúde, 2007.

² BRASIL, Marco de Referência da Educação Popular para as Políticas Públicas. 2014

³ FREIRE, P. Educação bancária e educação libertadora. In Introdução à Psicologia Escolar, PATTO, Maria Helena Souza (Org). São Paulo: Casa do Psicólogo. 1997

⁴ SCLIAR, M. História do Conceito de Saúde. PHYSIS: Rev. Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, 17(1):29-41, 2007

⁵ LALLI, V S. O programa Acelera Brasil. Em aberto: Brasilia. V. 17, n. 71, p.145-148, jan. 2000

⁶ BRASIL. Estatuto da criança e do adolescente: Lei federal nº 8069, de 13 de julho de 1990.

⁷ BRASIL. Ministério da Saúde. Atenção psicossocial a crianças e adolescentes no SUS : tecendo redes para garantir direitos / Ministério da Saúde, Conselho Nacional do Ministério Público. – Brasília : Ministério da Saúde, 2014.

⁸ BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política Nacional de Atenção Básica / Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. – Brasília : Ministério da Saúde, 2012.

⁹ BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Saúde na escola / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. – Brasília : Ministério da Saúde, 2009.

¹⁰ BRASIL. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Contagem Populacional. Disponivel em http://www.cidades.ibge.gov.br/v3/cidades/municipio/1302603. Acesso em 20/02/2017

Downloads

Publicado

2017-08-21

Edição

Seção

Relato de Experiência