FORMAÇÃO DO PERFIL DO EGRESSO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA. A ANÁLISE DAS COMPETÊNCIAS DOCENTES NO CUMPRIMENTO DAS DCN EM UMA UNIVERSIDADE PRIVADA DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, RJ, 2016

Maura Nogueira Cobra, Maria Aparecida Monteiro da Silva, Eduardo Shimoda, Gabriela Pereira Avolio

Resumo


INTRODUÇÃO: A formação de profissionais na área da saúde, desde a reforma sanitária brasileira, parece ser um desafio, de forma a garantir um perfil profissional que esteja em consenso com o Sistema de Saúde Brasileiro. A prática docente competente ocorre por meio do uso de estratégias de ensino que favoreçam a formação profissional. OBJETIVO: O objetivo geral do estudo foi investigar em que medida as competências docentes desenvolvidas no curso de fisioterapia atendem ao cumprimento das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) e seus reflexos sobre o perfil profissional que se espera formar referente à integralidade do saber, a formação ética/bioética, humanista, generalista, crítica e reflexiva. Foram investigadas as competências: organizar e dirigir situações de aprendizagem; administrar a sua própria formação docente; trabalhar em equipe; conceber e fazer evoluir os dispositivos de diferenciação; utilizar novas tecnologias; administrar a progressão das aprendizagens; envolver os alunos em suas aprendizagens e em seu trabalho. As competências foram associadas aos perfis de formação correspondentes, previstos nas DCN. METODOLOGIA: As abordagens do presente estudo foram quantitativa e qualitativa, do tipo exploratória, por meio de estudo de caso. Para a recolha de dados foram utilizados três instrumentos. Na análise quantitativa foi aplicado questionário e os resultados apresentados graficamente. Para a análise qualitativa, foi realizada entrevista semi-estruturada e a observação direta. Os dados foram apresentados em grelhas e os conteúdos analisados para posterior triangulação. A pesquisa foi realizada na Universidade Estácio em Campos dos Goytacazes - RJ, Brasil, sendo os sujeitos, o corpo docente do curso de graduação em fisioterapia. RESULTADO: Os resultados apontaram reflexo positivo na formação dos perfis do egresso; integralidade do saber, formação ética e bioética e para a formação generalista, porém revelaram pontos de atenção para os conteúdos das disciplinas EAD relacionadas ao eixo ciências sociais e humanas referentes à formação do perfil ético. O estudo apontou reflexos negativos para os perfis de formação humanista, crítica e reflexiva, sob o aspecto do desenvolvimento dos conteúdos em sala de aula, sendo os núcleos de estágio, os melhores espaços para o aprendizado das competências relacionadas aos referidos perfis. CONCLUSÃO: A investigação concluiu que as diretrizes são cumpridas pelo curso de fisioterapia pesquisado, sob os aspectos da concepção curricular e do desenvolvimento do projeto pedagógico pautado na tríade ensino, pesquisa e extensão. Porém, existe a necessidade de aprimoramento das deficiências apontadas no estudo e seus reflexos nos perfis de formação humanista, formação crítica, reflexiva.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.