AVALIAÇÃO DA FREQUÊNCIA CARDÍACA E DESEMPENHO DOS ATLETAS DE FUTEBOL AMERICANO DURANTE O TREINO DE TIRO: UMA ATUAÇÃO DA LIGA ACADÊMICA DE FISIOTERAPIA CARDIOVASCULAR DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (LIFICAR - UNB)

Amanda Lima Ruivo, Bruna da Silva Sousa, Luis Henrique Pereira de Lira, Hugo Hilário dos Santos Junior, Inês Lanna da Costa Fernandes, Daniel Côrte de Souza, Amanda Vitor Martins, Vera Regina Fernandes da Silva Marães

Resumo


INTRODUÇÃO: A primeira partida de futebol americano ocorreu em 1869, porém apenas quase um século mais tarde, 1960, que observou-se o crescimento dessa modalidade esportiva. No Brasil, o futebol americano vem se destacando e conquistando seus adeptos e fãs. O futebol americano é caracterizado por esforços intermitentes de alta e baixa intensidade. Durante a partida os jogadores relatam a necessidade de exercícios de explosão ocorrendo alterações hemodinâmicas em função as demandas impostas. Embora essas alterações durante o exercício aeróbico estejam bem documentadas, há uma escassez de dados quando baseado em atletas, principalmente na modalidade do futebol americano no Brasil. A experiência teve como objetivo avaliar a alteração da frequência cardíaca (FC) e desempenho dos atletas de futebol americano do time Templários-DF durante o treino de tiro de 50 metros e relatar a importância da ação para o time. DESCRIÇÃO DA EXPERIÊNCIA: Ampliando o campo de atuação da Liga acadêmica de Fisioterapia Cardiovascular da Universidade de Brasília, em parceria com o time de futebol americano Templários-DF, realizou-se a coleta de dados hemodinâmicos antes, durante e após o treinamento de tiro de 50 metros no campo da Universidade Católica de Brasília. O campo foi demarcado em dois pontos distanciados em 50 metros, mantendo-se dois alunos em cada extremidade, sendo solicitado que os atletas: corressem o percurso na maior velocidade possível. Ao total foram solicitados 5 tiros, ao final de cada tiro foi coletado a FC , e o tempo que o atleta desempenhou o exercício. A frequência cardíaca foi coletada por meio do Polar-S800 e o tempo pelo cronômetro Philips. IMPACTOS: As avaliações de FC e desempenho são importantes para equipe do time Templários-DF, uma vez que é possível realizar comparações entre os atletas, e a correlação entre a variabilidade da FC com o tempo de realização da atividade. A alteração da FC impacta sobre o desempenho do atleta fazendo-se necessário o conhecimento dessa durante uma demanda do jogo, simulada pelo treino de tiro. Uma vez esses dados coletados, é possível traçar o perfil do atleta e selecionar melhor posicionamento de acordo com o desempenho apresentado, sendo que a Frequência Cardíaca máxima obtida apresentou média 184,35 ±14,15, levando em consideração a faixa etária dos voluntários observa-se um bom desempenho cardiovascular mantendo-se abaixo da zona de risco para atividades físicas. CONSIDERAÇÕES FINAIS: O futebol americano é uma modalidade esportiva muito conhecida mundialmente, contudo vem ganhando destaque no Brasil nos últimos anos. Por esse motivo os estudos com essa população são escassos nacionalmente. A avaliação da frequência cardíaca é uma variável importante que impacta no desempenho desses atletas durante o jogo, sendo necessária essa investigação, essas ações permitem a liga acadêmica um maior conhecimento sobre a atuação do sistema cardiovascular durante o exercício físico.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.