DIABETES MELITTUS: RODA DE CONVERSA COM GESTANTES NA UBSF LOS ANGELES EM CAMPO GRANDE - MS

Alini Nunes de Oliveira, Amanda Medeiros Gomes, Bianca Espinosa dos Santos, Jéssica Maria Lira de Oliveira, Leila Simone Foerster Merey, Ana Beatriz Gomes Pegorare, Marta Ferreira Espinosa

Resumo


INTRODUÇÃO: A diabetes mellitus (DM) é o problema metabólico mais comum durante a gestação, sendo assim é um importante tema a se trabalhar, para uma melhor conscientização e autocuidado das gestantes. A relação acadêmico-comunidade voltada ao cuidado foi aprimorada na UBSF Los Angeles por meio de rodas de conversa com gestantes, portadoras ou não de DM, como intuito de propagar conhecimento e sanar dúvidas da doença, aumentando a compreensão quanto aos sintomas recorrentes da gravidez, como: câimbras, inchaços e incontinência urinária. Essa vivência foi proporcionada pelo "PET SAÚDE GRADUASUS", que tem como centralidade do projeto a atenção aos usuários com diabetes melittus através de ações realizadas com objetivo de proporcionar mudanças de paradigmas em meio ás equipes de saúde e a formação profissional, juntamente com a propagação de conhecimento para a sociedade favorecendo o diálogo na educação em saúde que busca questionar conceitos construídos no decorrer de vida e ampliar o conhecimento sobre seu corpo e hábitos cotidianos. DESCRIÇÃO DA EXPERIÊNCIA: As ações foram realizadas com o objetivo de proporcionar uma gestação saudável, dotadas de dinâmicas para maior interação entre o grupo e as acadêmicas. A primeira ação foi voltada aos temas: alimentação saudável, diabetes gestacional e diabetes mellitus. A segunda, o enfoque foi em relação aos sintomas que surgem durante a gravidez, sendo os mais relatados: câimbra, inchaço e sintomas do trato urinário inferior. Para proporcionar um bem-estar físico e diminuir a frequência de incontinência urinária, realizaram alongamentos e exercícios de fortalecimento pélvico e do trígono da bexiga. As temáticas foram escolhidas pela rede integrada de ações voltadas á promoção da saúde, prevenção e tratamento das doenças crônicas. IMPACTOS: As gestantes demonstraram amplo conhecimento sobre os assuntos devido mídias de propagação. Foi visto vontade de participar, pois mesmo sendo um grupo novo, estavam presentes, foram participativas, compartilharam experiências vividas ou presenciadas com familiares e conhecidos além de serem receptivas a tratar dos assuntos citados anteriormente. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Ações como esta estão amparadas pela Lei Nº 8.080, de 19 de setembro de 1990. Proporcionar conhecimentos de prevenção e promoção á saúde é fundamental em grupos vulneráveis. A participação do fisioterapeuta nestas atividades contribui para a desmistificação da atuação do profissional, a humanização e o comprometimento social a respeito do adoecer e as formas de intervir na saúde coletiva. O PET SAÚDE GRADUASUS é um grande formador de futuros profissionais e de mudança de visão dos que já estão atuando, e visa trabalhar de acordo com as necessidades do SUS.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.