DISCIPLINA DE PROCESSOS COGNITIVOS: TRIPÉ EPISTEMOLÓGICO DA FISIOTERAPIA NEUROFUNCIONAL NA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA

Ana Clara Bonini-Rocha

Resumo


INTRODUÇÃO: O Curso de Graduação em Fisioterapia da Universidade de Brasília está estruturado com carga horária total de 4.500 horas (300 créditos) distribuídas entre conteúdos (disciplinas) obrigatórios, optativos e de módulo livre. A disciplina de Processos Cognitivos soma 6 créditos no rol de optativas. Idealizada para oferecer aprofundamento quanto aos processos biológicos e clínicos de interesse da especialidade de Fisioterapia Neurofuncional, sua primeira versão datou de 2013/2 e desde então tem sido oferecida por semestres consecutivos. ƒ presencial e conta com ambiente virtual em grupo fechado no Facebook, bem como de jogos educacionais para reforço de aprendizagem. DESCRIÇÃO DA EXPERIÊNCIA: 1) Processos Cognitivos: Aplicações em Fisioterapia (PCAF) - é pré-requisito para as subsequentes. Seus conteúdos revisam e atualizam sobre Neurociências, Neuroanatomia e Neurofisiologia. Estimula o raciocínio sobre processos cognitivos instantâneos e dinâmicos, comportamentais e biológicos, de plasticidade neuronal. Dá ênfase aos processos motivacionais de aprendizagem/reaprendizagem neuromotora. Aulas expositivas dialogadas, recursos de vídeos e áudios da internet, data show para imagens, revistas e livros-texto e de opinião. Avaliação teórica objetiva e Mapa Conceitual. Ofertada para 40 vagas, 2 créditos. 2) Processos Cognitivos: Cinésio Fisiopatologia (PCCF) - trata sobre Patologias Neurológicas, fisiopatologia e fisiopatogenia das principais doenças das quais um fisioterapeuta tem contato. Analisa exames complementares. Provoca reflexão sobre limites e possibilidades do diagnóstico clínico, da avaliação, diagnósticos e prognósticos, encaminhamentos e de recuperação na Fisioterapia Neurofuncional. Aulas expositivas com data show para imagens e livros-texto de Anatomia, Fisiologia, Neurologia. Avaliação teórica objetiva. Ofertada para 40 vagas, 2 créditos. 3) Processos Cognitivos: Prática Fisioterapêutica (PCPF) - trata sobre as bases teóricas e práticas da avaliação e intervenção bem como seu treinamento. A disciplina é ofertada no espaço de assistência á comunidade de Ceilândia, onde a UnB está inserida. Estudantes observam e experimentam protocolos de avaliação Neurofuncional, constroem diagnósticos fisioterapêuticos, traam objetivos e planejamentos de condutas bem como são ativos nas escolhas de técnicas baseadas em evidências. Observam e praticam terapias de contensão, espelho, práticas orientadas para a tarefa, da teoria neuroevolutiva e da facilitação neuromuscular proprioceptiva. Aulas são práticas e têm momento de discussão das evidências buscadas em bases de dados científicos para reflexão sobre a prática. Avaliação é prática. Ofertadas 20 vagas (grupos de 10), 2 créditos. IMPACTOS: Cada uma delas apresenta um impacto diferente entre os estudantes. Em PCAF eles aprendem como se aprende e como se pode ensinar melhor comportamentos neuromotores e saem com a convicção de que todo comportamento motor é também cognitivo. Em PCCF, visitam disciplinas básicas bem como experimentam o raciocínio clínico a partir da morfologia, função e disfunção, e entendem os processos que levam á reaprendizagem e plasticidade neuronal. Em PCPF os estudantes treinam a prática da fisioterapia dentro do contexto cognitivo-motor. Atendem demanda da comunidade onde UnB está inserida e se aprofundam na prática das evidências. CONSIDERAÇÕES FINAIS: As disciplinas apresentam alto índice de desempenho e satisfação pela comunidade acadêmica. Todas as vagas são preenchidas semestralmente. ƒ incentivadora á reflexão teórica, crítica e técnica em uma das áreas mais tradicionais da Fisioterapia, a Fisioterapia Neurofuncional.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.