SATISFAÇÃO DO GRUPO DA 1ª ESCOLA DE POSTURA DA CEU

Rúbia Mariano da Silva, Dálley César Alves, Cecília Cristina Dias, Jéssica dos Reis Silva, Kelly Kariny Pamplona, Rayane Souza Lima

Resumo


INTRODUÇÃO: A primeira escola de postura surgiu em 1969 na Suécia, idealizado pela fisioterapeuta Mariane Forssell e tinha como principal objetivo ensinar as pessoas a gerenciar sua própria saúde voltado para a educação postural. (HEYMANS et al. 2005). No Brasil, o programa chegou em 1972, três anos após sua idealização e foi implantado no Hospital do Servidor Público de São Paulo e posteriormente em diversas instituições brasileiras. DESCRIÇÃO DA EXPERIÊNCIA: Forram montados 6 grupos de 3 pessoas com queixa de dor crônica em coluna lombar, irradiada ou não para membros inferiores. A atividade foi composta por palestra educativas, condutas fisioterapêuticas (Cinesioterapia), 3 vezes por semana, tendo como prâmetro de controle as Escala Visual Analógica (EVA) de dor. pós 2 meses foi aplicado um questionário de satisfação do paciente. IMPACTOS: A faixa etária média foidia 62 anos, 60% dos pacientes eram do gênero feminino, apresentando os seguintes diagnósticos: Espondiloartrose e hérnia discal. 100% dos pacientes relataram que foi a primeira experiência em tratamento em grupo; 89% relataram melhora da qualidade de vida;89% descreveram como ótima a qualidade do atendimento. A média da EVA inicial era de 3 e passou no final para EVA 1. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Embora seja a primeira experiência com a escola de postura na CEU, foram obtidos bons resultados. A realização da terapia em grupo tem suma importância para promover a socialização. As aulas em formas de palestras tiveram importância para o autoconhecimento do corpo e boa postura durante as AVDs, além de aprenderem como prevenir novas crises.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.