AVALIAÇÃO DA PRÁTICA DE ATIVIDADE FÍSICA DE ESTUDANTES DE FISIOTERAPIA DE PERÍODO INTEGRAL

Daisy Satomi Ykeda, Marina Daniele Sousa Alves

Resumo


Introdução: O estudante de Fisioterapia de período integral passa a maior parte do dia na universidade, sentado assistindo às aulas ou estudando. Essa inatividade pode causar prejuízos à sua saúde. A atividade física pode ser definida como qualquer movimento corporal produzido pela musculatura esquelética que resulta num gasto energético acima dos níveis de repouso. A atividade física traz benefícios para a saúde física e psíquica, exercitar reduz dores no corpo, causado por longos períodos de estudo na mesma posição e melhora quadros de ansiedade, pois o organismo libera endorfinas. Objetivo: Avaliar o nível de atividade física de estudantes de Fisioterapia. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal com estudantes de Fisioterapia de uma instituição pública de período integral com idade igual ou superior a 18 anos que concordaram em participar da pesquisa e assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa com o parecer número 1.978.050. Foram aplicados dois questionários: um para delinear o perfil do participante: idade, sexo, peso, altura, e o Questionário de Atividade Física Habitual (BQHPA) auto-administrado, no qual se inquere ao participante em relação ao número de horas semanais de prática de exercício físico, os estudantes que responderam entre 0 a 2 dias semanais foram considerados não praticantes e os alunos que responderam entre 3 e 7 dias foram tidos como praticantes de atividade física. Resultado: Foram avaliados 73 acadêmicos, idade média de 21 ± 3 anos, 78% eram do sexo feminino, peso médio de 58 ± 13 kg e altura média de 1,59 ± 0,18 m. IMC médio de 22,8 kg/m2. Na avaliação do nível de atividade física encontrou-se que 57/73 (78%) eram praticantes de atividade física e 19/73 (22%) foram considerados não praticantes. Sendo que 14/73 (19%) praticam atividade física vigorosa de 3 a 7 dias por semana por 23 minutos. A média de caminhada foi de 41 minutos por dia em todo o grupo. Porém, ficam sentados em torno de 11 horas por dia. Conclusão: Apesar do longo tempo que permanecem sentados diariamente, a maioria dos estudantes pratica atividade física, inclusive vigorosa e caminham diariamente.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.