A ESCOLHA E A PERSPECTIVA PROFISSIONAL DE INGRESSANTES E CONCLUINTES DO CURSO DE FISIOTERAPIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL - UNIBRASIL

Jhecy Silva Datovo, Vanda Cristina Galvão Pereira

Resumo


Introdução: Essa pesquisa consistiu em conhecer as percepções de ingressantes e concluintes quanto à escolha pelo curso de Fisioterapia e as perspectivas profissionais no mercado de trabalho. O interesse pelo tema começou depois de identificar em uma matéria em um jornal de São Paulo que 53% dos formados em diferentes graduações no país trabalhavam em outras áreas. Para conhecer sobre este tema, foi elaborado e aplicado um questionário online, o qual tivemos uma boa adesão no preenchimento. Objetivo: O objetivo dessa pesquisa foi conhecer as percepções de ingressantes e concluintes quanto à escolha pelo curso de Fisioterapia e as perspectivas profissionais no mercado de trabalho. Metodologia: Foram elaborados dois tipos de questionários que deveriam ser respondidos de forma online no período entre 15 a 31/08/18, esses continham perguntas fechadas (formulário Google), sendo destinado 18 questões aos ingressantes e 21 aos concluintes. O recrutamento dos sujeitos foi realizado por meio dos e-mails cadastrados na secretaria estudantil do UniBrasil e para garantir o sigilo das informações e privacidade aos sujeitos, todos os acadêmicos que realizaram o aceite do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido - TCLE, foram protegidos de sua identificação e a participação dos acadêmicos ocorreu de forma voluntária. A disponibilização para o preenchimento do questionário de pesquisa foi realizada somente após aprovação do estudo pelo Comitê de Ética em Pesquisa do UniBrasil. Para serem sujeitos inclusos na pesquisa os acadêmicos deveriam ser maiores de 18 anos no ano 2018; teriam que estar devidamente matriculados no curso de Fisioterapia do UniBrasil no ano 2018; ter endereços de e-mail válidos; realizar o aceite do TCLE, e deveriam preencher todo o questionário de pesquisa bem como preencher o questionário dentro do prazo pré-estabelecido já citado. Seriam excluídos os que não atendessem esses critérios. Após o término do prazo para findar a participação dos ingressantes e concluintes quanto ao preenchimento do questionário, realizou-se a tabulação das informações e análise dos dados. Os dados foram organizados e classificados por eixos específicos sendo o eixo 1: Caracterização dos acadêmicos, eixo 2: Motivos da escolha pelo curso de Fisioterapia e eixo 3: Perspectivas profissionais. Resultado: Tivemos uma boa adesão quanto ao preenchimento dos questionários, tendo atingido 66% dos ingressantes e 96% dos concluintes. Os resultados obtidos no Eixo 2: Motivos da escolha pelo curso de Fisioterapia, dentre outros eixos, foram que a maior parte dos ingressantes e concluintes optaram pelo curso de Fisioterapia como primeira opção no vestibular e estes não tiveram nenhuma imposição familiar para fazer essa escolha. Escolheram essa profissão pelo interesse em ajudar as pessoas, e o interesse pela profissão iniciou no final da adolescência. A escolha pela instituição de ensino UniBrasil, para a grande maioria dos ingressantes e concluintes ocorreu devido sua localização. Conclusão: Neste estudo foi possível conhecer alguns dos motivos da escolha e as perspectivas profissionais de ingressantes e concluintes do curso de Fisioterapia do UniBrasil no ano 2018, contribuindo com a formação dos futuros acadêmicos da área bem como apresentando à instituição de ensino pontos relevantes acerca do tema.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.