ELABORAÇÃO DE UM MATERIAL PRÁTICO E DIDÁTICO PARA UTILIZAÇÃO COM PARTURIENTES: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Micaela Freire Fontoura, Gabriel Paz de Lima, Fabiano Gomes Miranda Pereira, Gustavo Silva Ferreira

Resumo


Introdução: O conhecimento cientifico é de grande importância para a atuação nos serviços de saúde, no entanto a produção deste não garante sua utilização pelos profissionais. Percebe-se que muito conhecimento vem sendo produzido, mas o processo de obtenção e transposição dos conhecimentos para a realidade é uma barreira para a excelência no cuidado à saúde representando a dificuldade em traduzir essas informações e facilitar a incorporação na prática cotidiana da equipe de saúde no nível local. Desta forma, este trabalho objetiva apresentar as percepções dos acadêmicos para o desenvolvimento de um material prático e didático para utilização com parturientes como forma de efetivação da Tradução do Conhecimento. Descrição: As dinâmicas foram criadas por um grupo de alunos do curso de Fisioterapia da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (campus Jequié) para a disciplina de Fisioterapia em Atenção à Saúde da Mulher. A partir do tema "Parto", foi confeccionado uma cartilha educativa sobre a temática contendo um Plano de Parto (PP) como modelo e, também, foi desenvolvido um jogo exclusivo de perguntas e resposta, chamado "Parto-Quiz". No primeiro momento, foi criado por autoria própria, uma cartilha informativa e educativa sobre o trabalho de parto, com a finalidade de disseminar conhecimento a todas gestantes, e prepará-las para todas as eventualidades que podem vir a ocorrer durante o trabalho de parto. Nessa cartilha, apresenta-se às gestantes o PP que apesar de ser um documento assegurado por lei e de fácil criação, ainda não é amplamente conhecido e divulgado para a comunidade em questão. Para este documento escrito na forma de carta ou lista, é necessário a assinatura da gestante, acompanhante e da equipe médica. Desta forma, a cartilha é dividida em duas partes, primeiramente, é informado e explicado o que é o PP, apresentando informações relevantes bem como sugestões de leituras e a segurança proporcionada para gestante que o possui, em seguida é demostrado como elaborá-lo, apresentando um modelo adaptado como sugestão com informações a serem colocadas, objetivando facilitar o acesso das gestantes, e assim encorajá-las a criar o seu PP. Além disso, com o objetivo de realizar algo mais dinâmico e extrovertido, foi confeccionado o "Parto-Quis", um jogo com propósito de sanar as dúvidas das gestantes de um modo descontraído e alegre, além de proporcionar momentos despojados que podem contribuir para evitar o ciclo medo-tensão-dor. Impactos: Espera-se a utilização desses materiais nas rodas de conversas e salas de espera ofertadas pela disciplina Saúde da Mulher nas Unidades de Saúde da Família do município de Jequié, na Bahia, para avaliar os resultados e impactos. Considerações: Partindo do princípio de que a linguagem científica, em muitos casos, não é acessível aos usuários e dificulta a absorção do conhecimento teórico, neste caso, pelas gestantes, com estes produtos metodológicos é utilizada uma linguagem atrativa e convencional e, acredita-se, difundir as informações de uma maneira dinâmica como melhor forma de espalhar o conhecimento sobre o tema.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.