ANSIEDADE E DEPRESSÃO NA DOENÇA DE CHARCOT-MARIE-TOOTH

Lidiane Carine Lima Santos Barreto, Paula Santos Nunes, Iandra Maria Pinheiro de França Costa, Catarina Andrade Garcez Cajueiro, Gabriel Mattos Goes, Cynthia Coelho de Souza, Adriano Antunes de Souza Araújo, Eduardo Luis de Aquino Neves

Resumo


INTRODUÇÃO: Charcot-Marie-Tooth (CMT) é a neuropatia periférica hereditária mais prevalente em todo o mundo e se caracteriza por alterações sensitivas e motoras. As limitações motoras são frequentes, e assim o impacto na qualidade de vida pode causar também alterações psicossociais. OBJETIVOS: identificar a existência de sintomas de ansiedade e depressão em pacientes com a doença de CMT. METODOLOGIA: estudo transversal com a utilização de dois instrumentos para a avaliação da saúde mental, o Inventário Beck de Ansiedade (BAI) e o Inventário de Beck para Depressão (BDI), a coleta de dados foi realizada no período entre maio de 2014 a maio de 2015, nos municípios de Itabaianinha e Tobias Barreto- SE, região onde se concentra uma grande população de CMT, foram incluídos 76 pacientes de 5 famílias com a doença CMT tipo 1(CMT1) e tipo 2(CMT2). RESULTADOS: 43 (57%) dos entrevistados eram do tipo 2 (CMT2) e 33 (43%) do tipo 1 (CMT1), 42 (55%) foram do sexo feminino e 34 (45%) do sexo masculino, a faixa etária variou de 11 a 82 anos (37,17±17,62), de acordo com as escalas BAI e BDI, observou-se que 36 (47%) dos entrevistados apresentaram grau mínimo de ansiedade, 18 (23%) moderado e 16 (21%) grau leve. Em relação à depressão, 48 (63%) manifestaram grau mínimo, 18 (23%) grau leve, 5 (7%) grau moderado e 2 (3%) grau elevado de depressão. CONCLUSÃO: Sintomas de ansiedade e depressão, assim como a saúde mental dos indivíduos com CMT devem ser investigados e tratados quando necessário, reduzindo o impacto na qualidade de vida.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A revista Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia foi avaliada como B2 na área de Ensino, B3 na área de Serviço Social, B4 nas áreas de Saúde Coletiva, Interdisciplinar, Enfermagem e Educação Física e B5 na área de Medicina II e Arquitetura, Urbanismo e Design no QUALIS/CAPES - Quadriênio 2013-2016.